A Escolha da Língua

Se você pensa em desenvolver jogos você tem que pensar em como se comunicará com seu jogador. A não ser que você recorra a algum método revolucionário para fazê-lo, você não terá escolha a não ser usar alguma língua compartilhada por alguns milhões de humanos. E se você está lendo isso provavelmente sabe se comunicar utilizando a língua portuguesa. Mas nos jogos o idioma é metade da restrição do público que jogará seu pequeno, ou não tão pequeno assim, projeto. A outra metade é basicamente todo o resto das decisões que tornarão seu jogo bom ou ruim para os diversos públicos já existentes ou tentará explorar um público completamente novo.

A questão da língua é basicamente a seguinte: se você pode investir o tempo e o dinheiro, por regra, vale a pena fazer seu jogo no maior número de idiomas possíveis. Porque você tem mais público para quem vender. Mas se você consultar a tabela de línguas mais faladas chega um ponto que se torna inviável ter retorno pelo investimento em traduzir para algumas formas de comunicação humana pouco utilizadas. Então está ai um primeiro parâmetro: Ver até onde vale a pena ter trabalho para obter retorno. Alias isso é o principal ponto para decidir recursos secundários que seu jogo terá.

O segundo ponto é levar em conta é que seu jogo provavelmente é uma publicação para um pequeno nicho de jogadores "hardcores", que já dominam pelo menos o inglês exatamente por jogarem jogos em inglês. Então inglês é basicamente obrigatório para que seu jogo tenha um público bem amplo. Porque mesmo quem não é falante nativo de inglês está minimamente familiarizado com ela, e consegue entender. Mas vale lembrar que a versão em inglês será a principal face do seu jogo para o público. Então esta precisa estar muito bem feita.

Mas o ponto realmente importante deste pequeno devaneio é ajudar na decisão dos desenvolvedores brasileiros de ter uma versão em português de seu jogo. Se você pretende divulgar pesadamente no âmbito nacional, e quando digo pesadamente quero dizer gastar dinheiro de verdade com publicidade. E se conheço bem os meus leitores (constituídos basicamente da, literalmente, meia dúzia arrastada pelo Twitter) sei que vocês não tem dinheiro para investir em publicidade. Então não vale a pena pensar em preparar todo um sistema para o jogo ter suporte a múltiplas línguas, mesmo estas sendo o inglês e sua língua nativa.

Falando no sistema para suportar multiplas linguagens. Quando se cria tal suporte é necessário testar todo o texto e audio de todas as versões. E isso é um custo de tempo impraticável para pequenos desenvolvedores. Sem falar em preparar todo o sistema de menus e caixas de texto e legendas para suportar o dinamismo que vários idiomas diferentes tem.

Sendo assim acredito que para o pequeno desenvolvedor não vale muito a pena investir na localização para mais de um idioma, mesmo que seja nossa língua mãe. Mas caso você acredite que pode trazer uma experiência única em outra língua vá em frente. Eu te desafio!

0 comentários:

Postar um comentário

 
Nuclear Core Studios © 2010 | Designed by Trucks, in collaboration with MW3, Broadway Tickets, and Distubed Tour. Customizado por Bruna Lanzillotta.