Motivações para jogar.

Lendo a entrevista do Peter Molyneux (criador da série Fable para Xbox e cabeça da Lionhead Studios) realizada na GDC deste ano eu parei para pensar sobre o que motivas os jogadores a jogar.


Peter Molyneux: Criador das séries Populous e Fable. Fundador da Bullfrog e da Lionhead Studios.Uma força a ser respeitada no mercado de games.


O primeiro tipo que me veio a cabeça é o jogador que gosta de superar desafios. Ele compra um jogo e se dedica para ficar cada vez melhor naquele jogo, superando a si mesmo, a outros jogadores e aos desafios propostos pelos desenvolvedores. O segundo tipo é o jogador que gosta da histórias, de tomar decisões e sentir que está influenciando elas. O terceiro tipo de motivo é simplesmente passar algum tempo livre fazendo algo agradável.

I MAED A GAM3 W1TH Z0MB1ES!!!1 é um jogo da Xbox Live Indie Games. Simples: Mate quantos zumbis você conseguir! Se tem 5 minutos livres é perfeito para gastá-los com até 4 amigos.

A motivação para jogar basicamente define qual tipo de jogador somos. Os jogadores 'hardcore' tendem a ser do tipo de jogador que gosta de desafios, encontrando desafios constantes nos outros jogadores que se esforçam tanto quanto ele para se tornar bom. Os jogadores motivados pela história e decisões podem ser tanto 'hardcores' quanto casuais, a diferença está no tanto de tempo que o jogador gasta jogando. Eu particularmente me classifico no segundo tipo, já que multiplayer competitivo não me atrai muito. Os jogadores casuais geralmente só estão procurando gastar um pouco de tempo livre, por isso recorrem tanto a jogos em navegadores, simples e rápidos, porque não querem muito mais que "ficar apenas por uma noite" ou em situações muito específicas.


Starcraft 2: Se você acha xadrez complicado não tente os RTSs. Alem de terem uma variedade muito maior de opções tudo deve ser feito com reflexos e agilidade sem despresar a estratégia. A maior parte dos cyber esportes (topo da cadeia alimentar dos hardcores) é desse gênero de jogo.

Entender esses três tipos de interesse interferem diretamente no tipo de jogo que se quer desenvolver. Hoje em dia os jogadores mais dispostos a gastar são jogadores competitivos, estimulando assim que mais jogos desse tipo surjam (por isso os shooters são tão vendidos lá fora, criando comunidades fortes e cruéis com iniciantes). Já li alguns estudos que afirmam que muitas pessoas jogam jogos casuais, mas apenas uma percentagem mínima aceitaria pagar pelos jogos. Exemplo disso é o jogo Farmville no Facebook. Quem joga ele está apenas gastando algum tempo livre fazendo algo diferente, sem nenhum compromisso com eficiência. Por isso apesar de mais de 32 milhões de jogadores acessarem diariamente o jogo ele não é considerado um fenómeno extraordinário de vendas (apesar de seus desenvolvedores estarem sorrindo de orelha a orelha com o que já conquistaram, mesmo com as denuncias graves de desvio de dinheiro da campanha humanitária que organizaram para o Haiti). Ambos tem mercado, com uma intersecção mínima mas que eu considero irrelevante.

No fim da história o que vale é o seguinte: se você está pensando em um jogo, lembre-se que vocês está fazendo ele tanto para você quanto para outras pessoas jogarem. E lembre-se de que focar a intersecção dos dois principais grupos de jogadores limita muito o publico do seu jogo. Sendo assim faça o jogo bem feito pensando em apenas um dos grupos.

1 comentários:

  1. Rafael Costa disse...:

    Isso me lembra uma tremenda discussão às 03:00 da manhã no antigo apartamento dos meus pais.

    Mas a conclusão é, de fato, sabia: Não adianta você querer focar-se em dois públicos que, visivelmente, são distintos. Hardcores preferem jogos com constância e imersivos desafios. Casuais não têm tempo, paciência ou vontade para ficarem nessa imersão.

    Eu sou um jogador Hardcores, mas hoje passo por um campo do casual, visto que não tenho tempo nenhum mais, nem para se quer limpar a bunda.

    Focar-se em um dos grupos é um ponto importante.

    Outro fator que sempre deve ser levado em consideração é a opinião e as criticas a cerca do que já está no mercado. Se jogadores não gostassem do esquema de cobertura de Gears Of War, ele não teria reaparecido em outros TPS. Fica a dica.

    Ótimo texto, Dan.

Postar um comentário

 
Nuclear Core Studios © 2010 | Designed by Trucks, in collaboration with MW3, Broadway Tickets, and Distubed Tour. Customizado por Bruna Lanzillotta.