Ficção Científica para principiantes

O gênero literário de ficção cientifica envolve basicamente alta tecnologia e um ambiente futurista, onde os personagens falam de dezenas de termos que esperam que todos entendam. Eu sei que muitos não entendem, afinal de contas você não vai chegar para seu pai e perguntar "Pai, o que é um motor de dobra?". Para isso estamos aqui.

Ano-Luz ("light year"): Um ano-luz é a distância percorrida pela a luz no vácuo no período de 1 ano. Não é uma medida de tempo, temperatura, desenvolvimento tecnológico. A frase "Os ETs estão anos-luz a frente de nós em tecnologia." está errada! o uso certo desta medida seria algo como "Os ETs tem dedos de um ano-luz." que são dedos bem longos!

Motor de Dobra ("Warp Drive"): Você acha que a luz é rápida, não acha? Trezentos mil quilômetros por segundo tem que ser rápido o suficiente, obviamente. Errado! Para chegar até sua escola no mesmo bairro onde você mora até pode ser, mas no espaço, mesmo a luz, que é a coisa mais rápida que pode existir segundo as leis da física leva 8 minutos para sair do Sol e chegar na Terra. 8 minutos! Imagine ir até outro sistema solar a dezenas de anos-luz! Então temos que fazer alguma coisa para sermos capazes de sair de nosso planeta mãe, que foi destruído pelos grandes ETs do tópico anterior por falarmos dos dedos deles, e chegar até outro planeta antes que tantas gerações cresçam dentro da nave espacial a ponto de não serem mais considerados humanos (a partir do momento que eles ficarem verdes). A solução é conhecida no meio como motor de dobra. Um motor de dobra é um dispositivo altamente tecnológico capaz de diminuir a distância entre dois pontos. Ele tem esse nome porque ele usa campos gravitacionais gigantescos para dobrar o espaço/tempo e permitir uma viagem mais curta até nossa nova casa.

Canhões de partículas (railguns, gaussguns, MAC guns, "x" gun): Bom... a velocidade da luz é muito lenta para ser útil no espaço, certo? Errado denovo! Tente atirar um pedaço de metal de vinte quilos a um porcentro da velocidade da luz e terá fogos de artifícios maiores que a bomba de Hiroshima. O princípio dessas armas é criar um campo eletro-magnético capaz de repelir ou atrair um grande pedaço me metal ferroso através de um cano que guia a bala para o alvo. Aceleradores de partículas são conhecidos também por provocar polémica pela possibilidade de provocar o fim do mundo (como o nosso querido LHC).




Cena do jogo Mass Effect 2 falando um pouco da beleza dos Aceleradores de Partículas.

Hologramas ("Holo 'put object here'"): A tecnologia holográfica dos universos de ficção estão muito adiante da atual. Encare isso apenas como a evolução da TV e do Blu-ray que sairá daqui a uns duzentos anos. Tubos holográficos são capazes de projetar imagens em 3d, como se essas flutuassem no tubo (Imagine a revolução para os filmes adultos! Deixa pra lá...), e sem precisar dos óculos ridículo em duas cores. Inclusive a cena é gravada na integra, significando que é possível -lá de qualquer ângulo.

Qualquer outro termo que eu tenha negligenciado coloquem nos comentários que farei o possível para continuar esse grandioso serviço publico.

3 comentários:

  1. Tsc tsc... Buracos de Minhoca. Como você foi esquecer os Buracos de Minhoca???

  1. Caraca eu já tinha me esquecido do Lazarus... Como diabos ele foi parar aqui????

  1. Rafael Costa disse...:

    Faltou:

    01 - Buraco Negro

    02 - Teletranspote

    03 - Sono criogênico

    04 - Plasma Gun e derivados

Postar um comentário

 
Nuclear Core Studios © 2010 | Designed by Trucks, in collaboration with MW3, Broadway Tickets, and Distubed Tour. Customizado por Bruna Lanzillotta.